Morre o publicitário Duda Mendonça aos 77 anos

Considerado um dos melhores publicitários do país, ele ajudou a eleger Lula e Paulo Maluf.

Duda Mendonça
Foto: Reprodução Internet

Morreu nessa segunda-feira (16), o publicitário Duda Mendonça. Ele tinha 77 anos e estava internado há dois meses para tratar um câncer no cérebro.

Em junho, Duda foi diagnosticado com Covid-19 e teve o quadro de saúde agravado, precisando ser intubado.

Nas última semana, ele piorou e não resistiu.

Duda Mendonça é considerado um dos melhores publicitários do Brasil e tornou-se conhecido no cenário nacional por comandar campanhas políticas vitoriosas em diversas eleições.

Sua carreira como publicitário começou em 1975, quando ele criou a famosa agência DM9 Propaganda.

Entre os destaques na sua carreira como publicitário, está seu trabalho nas eleições presidenciais de 2002, quando Luís Inácio Lula da Silva (PT) ganhou as eleições com quase 53 milhões de votos.

Lula vinha de três derrotas seguidas para a presidência quando resolveu contratar o marqueteiro, de quem ganhou o apelido “Lulinha Paz & Amor”.

VEJA TAMBÉM:

—>  URGENTE: Após complicações da COVID-19, morre Tarcísio Meira

—> Diagnosticados com Covid-19, Tarcísio Meira e Glória Menezes são internados

—> Tarcísio Filho revela que pai sofria com problemas renais e no pulmão

Duda também foi o responsável pela campanha de Paulo Maluf à Prefeitura de São Paulo, em 1992, pela campanha de reeleição da ex-prefeita Marta Suplicy, em 2004, e pelas campanhas de Ciro Gomes e de Cid Gomes no Ceará, respectivamente a deputado federal e a governador, em 2006.

Na Europa, Duda também ajudou a eleger o ex-primeiro-ministro lusitano Pedro Santana Lopes.

Em 2005, Duda foi envolvido no escândalo do Mensalão mas acabou absolvido em 2012 pelo Supremo Tribunal Federal.

Em 2016, passou a ser investigado na Operação Lava Jato, e em abril de 2017, assinou acordo de delação premiada.

Duda Mendonça deixa a esposa, Aline Mendonça, e os cinco filhos: Alexandre, Eduarda, Léo, Lucas e Rafael Mendonça.

Lucas usou as redes sociais para fazer uma linda e emocionante homenagem ao pai.

Na publicação, o filho do marqueteiro falou sobre a conexão que tinha com Duda.

“Me sinto num palco sem plateia. Difícil ser o filho mais próximo. Ainda mais quando você se vai e essa proximidade significa que, em cada canto que eu olhe ou que eu vá, só me vem você a cabeça. Meus hobbies são os seus, meu trabalho é o que você me ensinou, minha filha tem seu nome, minha forma de pensar é baseado no que você pensaria, minhas comidas prediletas e meus lugares favoritos são os mesmos seus”.

“Eu sempre quis ser você. Eu sempre idolatrei sua genialidade sem invejá-la. Sempre quis ser elogiado pelas suas qualidades, como coragem, determinação, capacidade de crescer no aperto… Na verdade, eu sempre quis seu reconhecimento. E o reconhecimento de alguém tão grande não é algo fácil”.

“O vazio é enorme meu pai. Você sempre foi o grande amor da minha vida. Vá em paz. Eu vou superar isso. Você me fez forte, não foi? Tomara que sim… Continuarei minha missão aqui, acreditando que um dia a gente se encontrará e eu volte a escutar seus aplausos. E que eles sejam tão altos, que preencha esse silêncio ensurdecedor que hoje ecoa em meu coração. 🖤”.

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários