Viúvo de Paulo Gustavo se indigna com carreata de Bolsonaro

“O desrespeito dói ainda mais no luto”, lamentou Thales Bretas em seu Instagram.

Paulo Gustavo e família
Foto: Reprodução Instagram

O passeio de moto que o presidente Jair Bolsonaro promoveu no último domingo (23) no Rio de Janeiro, deixou muitas pessoas indignadas.

Famosos usaram suas redes sociais para criticar a atitude de Bolsonaro, que aglomerou centenas de pessoas em um dia que o Brasil bateu 450 mil mortes pelo Covid-19.

Thales Bretas, viúvo de Paulo Gustavo, usou suas redes sociais nesta segunda-feira (24) para dizer como se sentiu com a atitude do presidente.

O médico também pediu o impeachment do presidente e compartilhou um link para que seus seguidores assinem.

VEJA TAMBÉM:

–>  Famosos assinam pedido de impeachment de Jair Bolsonaro

–>  Paulo Gustavo morre aos 42 anos após complicações da Covid-19

–> Cantores sertanejos são “cancelados” após almoço com Bolsonaro

“Eu sei que estou atrasado por aqui, mas ainda estou processando tudo isso que estou vivendo, como as família de quase meio milhão de brasileiros”, disse.

E encerrou: “O desrespeito dói ainda mais no luto”.

Paulo Gustavo morreu no dia 4 de maio após passar mais de 50 dias internado por complicações do Covid-19. O ator e Thales ficaram casados por 7 anos. Da união, nasceu Romeu e Gael.

PEDIDO DE IMPEACHMENT

Alguns artistas estão assinando um pedido de impeachment contra Jair Bolsonaro. Xuxa MeneghelJulia LemmertzFelipe NetoCasagrande e Raduan Nassar são os nomes destacados para o pedido que foi protocolado nesta segunda (24) pelo Movimento Vidas Brasileiras.

A solicitação é baseada principalmente na “condução desastrosa” da epidemia de Covid-19 pelo governo federal no Brasil. Atualmente o país já contabiliza 450 mil mortes por coronavírus.

CRÍTICAS

Atores e jornalistas mostraram indignação com o ato realizado no Rio de Janeiro, onde o presidente Bolsonaro, o ministro Tarcísio de Freitas e o ex-ministro Eduardo Pazuello não usavam máscara e promoveram aglomeração.

No Instagram, a jornalista Fátima Bernardes publicou uma foto onde Jair Bolsonaro aparece pilotando uma moto em meio a multidão e na legenda fez um desabafo:

“Diante dessa manifestação festiva que aconteceu o Rio de Janeiro, são muitas pessoas – como eu – sem entender o motivo da comemoração, a falta de empatia. São muitos os que estão perplexos, tristes e até com vergonha. A falta de humanidade também dói e também mata” escreveu.

As humoristas Ingrid Guimarães Tatá Werneck também utilizaram as redes sociais para levantarem questionamentos sobre o assunto.

No Twitter, Ingrid escreveu: “Porque o presidente não gasta o domingo dele visitando hospitais e prestando apoio às famílias de luto que perderam seus familiares? Seria mais digno, não?”, questiona a atriz.

Através do Stories do Instagram, Tata, que se mostrou ainda muito abalada após a morte do seu amigo, o também ator Paulo Gustavo que foi vítima do coronavírus, utilizou uma foto do ato e escreveu: “Meu Deus. É momento para aglomerar? Pelo amor de Deus.”

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários