Cantores sertanejos são “cancelados” após almoço com Bolsonaro

Sorocaba, Amado Batista e Naiara Azevedo estavam no encontro. Principal objetivo seria discutir soluções para os setores afetados pela pandemia.

Foto: Reprodução Internet.

Depois da polêmica sobre no ano passado, o governo federal gastar R$ 15 milhões em leite condensado, agora o nome de Bolsonaro viralizou após um almoço com cantores sertanejos.

Na última quarta-feira (27), o presidente Jair Bolsonaro almoçou em uma churrascaria com um grupo de artistas.

O principal objetivo desse encontro seria discutir soluções para os setores de eventos, turismo e gastronomia, que foram afetados durante a pandemia.

Rapidamente o almoço virou assunto nas redes sociais. Os nomes de Sorocaba, Amado Batista e Naiara Azevedo aparecem como os mais comentados do Twitter.

VIU ISSO?

—> Após polêmica, Nego do Borel lança ‘Recomeçar’

—> Vacina aprovada: famosos comemoram através das redes sociais

—> Danilo Gentili vence processo contra Marcius Melhem e ironiza

Além deles, também estavam no almoço em Brasília, Netinho e o cantor Rick, da dupla com Renner.

Eles se reuniram com ministros, e outras figuras do Governo Federal, entre eles Mario Frias, secretário especial de Cultura, e Fábio Farias, ministro das Comunicações.

Confira algumas publicações sobre o assunto:

Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Paulo Lopes

Pelos comentários ,se nota como o
desespero da esquerda está!