Mãe de Gil pede justiça após ataques homofóbicos de conselheiros do Sport

Ex-BBB foi vítima de homofobia após conhecer o estádio do clube.

Gil do Vigor e sua mãe

Jacira Santana, mãe de Gil do Vigor, publicou na manhã deste sábado (15) um vídeo rebatendo o áudio homofóbico do conselheiro do Sport Clube Recife, Flávio Koury, contra o seu filho, divulgado na tarde de ontem pelo “Blog de Jamildo”, no UOL.

A mãe do ex-BBB apareceu revoltada no vídeo e pediu justiça pelo filho. “”Eu, como mãe, estou muito mal com toda essa situação. Meu filho é uma pessoa de boa índole, que nunca fez mal a ninguém”, desabafou.

VEJA TAMBÉM:

—> Gil do Vigor ganha quadro no ‘Encontro’ e rosto estampado em iogurte

—> Mãe de Gil do Vigor recebe mais de 40 convites para campanhas publicitárias

—> Gil do Vigor é vítima de homofobia por conselheiro do Sport Club

E continuou: “”É uma pessoa que luta e representa a defesa de direitos da minoria e do respeito às diferenças.”, desabafou ela na legenda. “Mais amor, por favor”.

“É uma mãe revoltada. Mas eu acredito na Justiça. Eu quero justiça. […] o que foi que meu filho fez de mau com esse senhor? Ele dançou! O que que tem dançar? Meu filho é alegre, é feliz, não é mal-amado igual essa qualidade de gente, não”.

Confira:

ATAQUE HOMOFÓBICO

A famosa coreografia “tchacki tchacki” que o ex-BBB Gilberto Nogueira fez durante sua visita à Ilha do Retiro, no Recife, na quarta-feira (12), foi alvo de comentários homofóbicos por parte de um dos membros do Conselho Deliberativo do Sport.

A entrevista de Gil a um jornal local, revoltou um membro do Conselho Deliberativo do Sport, que mandou um áudio de teor homofóbico para outros conselheiros.

Divulgado pelo “Blog de Jamildo”, no UOL, o áudio mostra o advogado Flávio Koury inconformado com a “dancinha” do ex-BBB nas arquibancadas do estádio e afirmando que isso “pegou mal demais” para o time.

O áudio, que circula nas redes sociais foi enviado ao blog de Jamildo pelo deputado estadual Romero Albuquerque (PP), que solicitou a expulsão do conselheiro Flávio Koury do quadro de conselheiros.

No áudio, o advogado Flávio Koury reclamou que “1,2 milhões de pessoas achando que o Sport só tem viado” e ainda disse que “a viadagem todinha vai comprar [a camisa do Sport]”. 

Ele continua: “Se ele tivesse feito essa dancinha na casa dele ou no bordel, eu não estava nem aí. Foi dentro da ilha do retiro, né rapaz? Isso é uma desmoralização! Isso é ausência de vergonha na cara. É isso que estamos vivendo. Não tem mais respeito por pai e filho”.

Por fim, o advogado fala até do Partido dos Trabalhadores: “É a depravação. Isso é o retrato do que o PT deixou pra gente. É exatamente isso”, disparou o conselheiro do Sport no áudio.

Ouça os áudio:

Após ouvir o áudio, Gil do Vigor se pronunciou em seu Twitter e disse que isso “machuca demais”.

Nas redes sociais, Gil do Vigor recebeu muito carinho dos fãs e de famosos. Internautas começaram a pedir a expulsão de Flávio Koury.

Após a repercussão, o Sport Clube de Recife emitiu uma nota nas redes sociais e disse que irá tomar providências.

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários