Show do Milhão faz pergunta com duas respostas certas e recebe críticas

Perguntas erradas do Show do Milhão já renderam processos ao SBT; relembre.

O programa Show do Milhão, do SBT, exibido na última sexta-feira (19), virou assunto nas redes sociais após apresentar uma questão com duas respostas possivelmente corretas.

show do milhão
Foto: Reprodução SBT

Celso Portiolli, apresentador do programa, perguntou ao participante Bruno Martins: “A jogada chamada ‘strike’ é feita em qual esporte?”. As opções de resposta era: Tênis de Mesa, Beisebol, Xadrez e Boliche.

Na hora de responder a pergunta valendo 4 mil reais, o participante escolheu a quarta alternativa, boliche, e acertou. No entanto, além dessa, outra opção também poderia ser considerada certa: Beisebol.

Pouco jogado no Brasil, o beisebol tem uma jogada chamada “strike” que é quando, por exemplo, o rebatedor não consegue acertar a bola em três arremessos.

VEJA TAMBÉM:

–> Adriane Galisteu assina novo contrato com a Record TV

–> Celso Portiolli será o novo apresentador do ‘Show do Milhão’

–> Globo antecipa saída de Faustão e anuncia Tiago Leifert nas tardes de domingo

Bruno Martins escolheu Boliche, acertou e ganhou os 4 mil da pergunta. O participante ainda seguiu no jogo e parou com 30 mil reals.

Se o competidor do Show do Milhão tivesse optado pela segunda alternativa, Beisebol, ele teria errado e saído do programa com apenas R$ 1,5 mil.

Assim que o programa foi ao ar, telespectadores perceberam o erro e o assunto viralizou nas nas redes sociais. No entanto, essa não foi a primeira vez que o programa do SBT cometeu erros.

RELEMBRE ERROS DO SHOW DO MILHÃO QUE JÁ RENDERAM PROCESSOS

Em junho de 2000, Ana Lúcia Serbeto de Freitas Matos não soube responder a “pergunta do milhão” e deixou o jogo com R$ 500 mil. Porém, depois ela entrou na Justiça e alegou que a última questão do game estava mal formulada.

A pergunta era: “A Constituição reconhece direitos aos índios de quanto do território brasileiro?”. O programa alegou ter extraído a informação da Constituição Federal, mas os advogados da participante descobriram que o SBT recorreu à Enciclopédia Barsa. Na ocasião, ela pediu R$ 500 mil de indenização por danos morais e conseguiu R$ 125 mil.

Em 2001, um participante respondeu que o personagem Tom, do desenho Tom & Jerry, era azul, mas o programa afirmou que era cinza. Como o gato aparece azul em alguns episódios, o concorrente ganhou outra chance.

Com informações de Observatório da TV

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários