Titi Müller anuncia separação de Tomás Bertoni: ‘Alívio enorme’

Apresentadora desabafou sobre como a pandemia e um filho recém-nascido contribuíram para o fim do casamento.

Titi Muller
Foto: Reprodução Instagram

O isolamento imposto pela pandemia do coronavírus fez com que muitos casais se separassem.

Ao se verem “presos” 24 horas por dia na mesma casa, muitos não conseguiram fazer com que os relacionamentos sobrevivessem.

Foi isso o que aconteceu com a apresentadora Titi Müller e o agora ex-marido, Tomás Bertoni.

Em uma entrevista para a Revista TPM, Titi falou sobre as dificuldades que enfrentou nos últimos meses, com a pandemia e a chegada do filho Benjamin, que nasceu em junho de 2020.

“Imagina pegar uma apresentadora de programa de viagem e um músico, que rodava o Brasil inteiro, e trancar em um apartamento com um bebê. Foi tipo engaiolar bicho solto”, contou.

Titi e Tomás se casaram em setembro de 2019.

VEJA TAMBÉM:

—> Fabiula Nascimento e Emílio Dantas serão pais de gêmeos

—> Nanda Costa e Lan Lanh serão mães de gêmeas

—> Após anunciar gravidez durante premiação, Cardi B posta fotos exibindo a barriga

A apresentadora do Multishow falou sobre o distanciamento do casal após o nascimento do filho.

“Quando o Benjamin tinha 20 dias eu voltei a tomar remédio pra dormir, porque sofro de insônia desde a adolescência. Com isso, o Tomás assumiu o turno da madrugada com o Benjamin e eu fiquei com o dia. Virou uma prova de revezamento, a gente praticamente não se via mais, nem dormia mais junto”, contou.

“Ele foi pro quarto de hóspedes logo de cara pra conseguir descansar melhor durante o dia. Os momentos que a gente tinha juntos eram sempre gostosos, mas eram com o Benjamin. Deixamos de ser um casal pra ser um time dividindo esse job exaustivo que é cuidar de um bebê”, disse.

A falta de uma rede de apoio, principalmente da família, por conta da pandemia, também dificultou, e muito, as coisas.

“Eu não lembro qual foi o primeiro abraço que dei nas minhas irmãs depois de me tornar mãe. Acho que demorou meses. Esse período todo, sem minha família e meus amigos, foi muito solitário. Eu chorava quase todo dia. Um choro de amor pelo meu filho, mas de tristeza e solidão também”, revelou.

Titi e Tomás tentaram de tudo para que o relacionamento não terminasse. Recorreram a terapia de casal, mas nem isso ajudou, e eles viram que realmente estava na hora de cada um seguir seu caminho.

“Fomos pra terapia de casal pra elaborar algumas coisas, tentamos vários movimentos, mas não estava mais rolando. A gente foi ficando cada vez mais distante e começou a discutir por coisas muito pequenas da rotina do Benjamin: o horário que ele tinha que dormir, se a roupa tava adequada pro clima”.

“Chegávamos no pediatra e parecia que estávamos falando de bebês diferentes, tamanha a desconexão. E aí fomos nos perguntando: pra que insistir mais, se não tá legal pra nenhum dos dois? Não sei se é definitivo, mas decidimos nos separar”, disse.

Titi contou que sentiu um alívio grande no dia que ela e o ex-marido resolveram colocar um ponto final na relação.

“Claro que ninguém se separa feliz, a gente se separa pra buscar a felicidade. Mas não acho que seja sobre largar a toalha, e sim sobre reconhecer nossos limites. Parece que saiu um peso. No dia que a gente decidiu se separar, o alívio foi tão grande”.

Por fim, a apresentadora deixou um recado importante para os fãs e para as pessoas, em geral, e falou sobre as mentiras contadas nas redes sociais.

“Sei que tem gente que gosta da gente, que vai ler essa matéria e lamentar. Gente, eu imploro: não projetem o ideal romântico de vocês sobre os outros. Que dirá sobre quem vocês só conhecem do Instagram. Até parece que vocês ainda não sabem que aquilo lá é só um momento e que os B.O. a gente não mostra. Se gostam da gente, desejem nossa felicidade e só”.

Com informações de Revista TPM

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários