Yasmin Brunet se irrita após Medina perder pódio: ‘Foi roubado na cara dura’

Namorada do surfista brasileiro usou as redes sociais para criticar os juízes e o Comitê Olímpico Brasileiro (COB); entenda.

Yasmin Brunet
Foto: Reprodução Instagram

Infelizmente, Gabriel Medina não conseguiu trazer para o Brasil a tão sonhada medalha olímpica nas Olimpíadas de Tóquio.

O brasileiro disputou a semifinal na madrugada desta terça-feira (27), mas acabou ficando em quarto lugar e perdeu o pódio das Olimpíadas. O ouro ficou com o também brasileiro Ítalo Ferreira.

Todos os brasileiros lamentaram a colocação de Medina, inclusive Yasmin Brunet, namorada do surfista, que usou suas redes sociais para protestar contra o resultado. Segundo a modelo, a disputa foi “roubada”.

“Gabriel Medina você foi incrível! Fez tudo o que poderia fazer e mais um pouco. Tenho muito orgulho de você!”, começou dizendo.

“Estamos do seu lado e não vamos fingir que não vimos o que aconteceu. Foi roubado na cara dura. Só gostaria muito que alguém se posicionasse e te defendesse… te amo meu lindo ❤️🇧🇷”, encerrou Yasmin.

A modelo recebeu o apoio de diversos fãs e torcedores brasileiros. “Certíssima! Foi muito roubado. Todo mundo viu!”, escreveu uma seguidora. “Estamos com vocês”, disse outra. “Ele tinha que ser campeão, muita injustiça”, escreveu um seguidor.

VEJA TAMBÉM:

—> ‘Besuntado de Tonga’ reaparece na abertura das Olimpíadas e vira meme

—> Internautas comemoram representação do Brasil na abertura dos Jogos Olímpicos

—> Artistas comemoram medalha de prata de Rayssa Leal nas olimpíadas

Yasmin também usou as redes sociais para reclamar do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e da Confederação Brasileira de Surfe (CBSurfe).

“O COB, a CBSurfe… essa galera está lá para representar os brasileiros, para defender eles. Todo mundo aqui viu que o Gabriel foi absurdamente roubado. Eles fizeram alguma coisa? Não! Vão fazer alguma coisa? Não! Não vão fazer nada! Acho que agora vocês vão começar a entender o que eu estava falando desde o início”, disse ela em live no Instagram.

“Eu queria pedir para vocês, por favor, irem no Instagram do COB, da CBSurfe, do Time Brasil e perguntar por que que vão deixar um atleta deles ser completamente roubado! Por que não defendem os atletas. Por favor, vão lá no Instagram deles questionar por que que eles não representam os atletas que eles levam para as Olimpíadas”, completou a esposa de Medina.

“Dão mais atenção em barrar a gente do que defender atleta. Isso que é o mais importante”, afirmou ela mais tarde em outra live.

Yasmin fez uma live em seu Instagram durante as disputas de Medina. Em certo momento, o vídeo foi cancelado pela rede social, o que também deixou a jovem bem irritada.

Segundo ela, seu vídeo foi “censurado” pelo Instagram por que ela estava dando sua opinião sobre o resultado da prova.

Vale lembrar que Yasmin Brunet foi impedida de viajar a Tóquio por conta das pandemia do COVID-19. Medina tentou levá-la como sua treinadora, mas foi impedido pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), o que gerou uma grande polêmica antes de os Jogos começarem.

MEDINA LAMENTA DERROTA

Gabriel Medina também usou as redes sociais para lamentar sua posição nas Olimpíadas de Tóquio.

O surfista brasileiro disse que deu seu melhor e que estava sentindo muita tristeza.

“Dei meu melhor, é foda quando isso acontece, da uma tristeza, desculpa galera… valeu pela torcida! ❤️🇧🇷… seguimos! Fe em Deus…”.

Ele recebeu o apoio de fãs e amigos famosos. Pedro Scooby escreveu: “Os caras nem disfarçaram! Mas vc eh gigante mlk, segue firme!”. Bruninho, do vôlei, escreveu: Triste irmao….levanta a cabeça e busca esse bronze! Deus sabe de tudo!”. Daniel Alves comentou: “O maior dos sucessos é o descanso na paz e a consciência tranquila da entrega 100%”.

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários