Após ataques, Luisa Sonza adia álbum e viaja para o exterior

Cantora passará uma temporada nos Estados Unidos para cuidar da saúde mental e ficará longe das redes sociais.

Luisa Sonza
Foto: Reprodução Internet

No início desta semana, Luisa Sonza foi vítima de ataques e ameaças de morte após o anúncio da morte de João Miguel, filho de seu ex, Whindersson Nunes, com Maria Lina, que nasceu prematuro, com apenas 22 semanas.

Desde então, a cantora segue afastada das redes sociais e adiará o lançamento do seu próximo álbum. A notícia foi revelada nesta sexta-feira (04), pela equipe de Luisa.

“Após os últimos acontecimentos relacionados à cantora Luísa Sonza, a artista ficará afastada das redes sociais por um tempo para cuidar de sua saúde mental, sendo prioridade agora.”, diz o começo do comunicado.

“Aos fãs que estavam ansiosos pelo lançamento do seu novo álbum, informamos que este projeto que estava previsto para ser lançado no fim deste mês, será adiado (ainda sem previsão de lançamento)”, informou o comunicado.        

VEJA TAMBÉM:

—>  Morre primeiro filho de Whindersson Nunes e Maria Lina

—> Luisa Sonza é afastada das redes sociais após ameaças de morte

—> Whindersson Nunes anuncia que será pai pela primeira vez

A equipe de Luísa revelou ainda que as redes sociais da cantora estão sendo administradas por um time, que seguirá com os posts que fazem parte de contratos comerciais.

O aviso ressalta que a artista e seu namorado, Vitão, seguem “sofrendo ataques verbais pelas ruas e nas redes sociais, por inverdades ditas na internet”.

“Pedimos, mais uma vez, respeito e empatia pelo próximo. Todas as medidas cabíveis para as pessoas que continuam com estes ataques estão sendo tomadas”, diz a assessoria.

Também nesta sexta-feira (04), Luisa Sonza apareceu no Instagram de uma fã que está no México e tirou uma foto com ela. Ao que tudo indica, Luisa foi encontra o namorado Vitão que está no país à trabalho.

De acordo com o Instagram “Infos Luisa Sonza”, do México, a cantora seguirá para os Estados Unidos, onde permanecerá por alguns meses para “se cuidar”.

ENTENDA O CASO

Na última segunda-feira (31), Luisa Sonza começou receber mensagens ofensivas depois que se tornou pública a morte do filho de Whindersson Nunes, seu ex-marido.

Além de centenas de xingamentos, imagens de armas e pessoas esfaqueadas também foram compartilhadas com Luísa, de modo a coagir a cantora e sua família.

Luisa chegou a gravar alguns vídeos no Instagram em que apareceu chorando desesperadamente. Nas gravações, ela pediu que as pessoas “parem com isso, pelo amor de Deus”.

Poucos minutos depois, a cantora apagou os stories e não voltou mais ao Instagram.

Luisa Sonza e Whindersson Nunes foram casados por dois anos e meio. Os dois se separaram em abril de 2020 e boatos de que a cantora teria traído o humorista começaram a circular nas redes sociais.

Alguns meses depois, Luisa assumiu o namoro com o cantor Vitão. Os dois passaram a receber diversos ataques nas redes dos fãs de Whindersson.

Já no fim do ano, foi a vez de Whindersson assumir seu namoro com a estudante Maria Lina. Em 2021, os dois noivaram e anunciaram a primeira gravidez.

O filho de Whindersson Nunes e Maria Lina nasceu prematuro, de 22 semanas, no último fim de semana e não resistiu horas depois.

Assim que a morte do bebê foi noticiada, Luisa passou a receber as ameaças e os xingamentos, além de muitas mensagens de pessoas a culpando pela morte do filho de Whindersson.

Durante a gravidez de Maria, a suposta traição de Luisa voltou a ser pauta nas redes sociais. Na ocasião, Whindersson, pela primeira vez, admitiu que não houve traição e que o casamento terminou por outro motivo.

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários