Polícia faz operação contra MCs em São Paulo e vídeos viralizam na web

Pedrinho, Hariel, Ryan, Brinquedo e Salvador da Rima são alvos de operação que investiga se cantores são financiados pelo tráfico.

Mc Pedrinho
Foto: Reprodução Internet.

Nesta quinta-feira (25), um assunto bastante sério viralizou nas redes sociais e virou meme.

Os vídeos dos MCs Pedrinho e Hariel chegando na delegacia, em São Paulo, ficaram entre os assuntos mais comentados do Twitter durante horas.

A Polícia Civil está fazendo uma megaoperação contra funkeiros de São Paulo nesta quinta (25). A corporação está acusando os MCs de serem patrocinados com dinheiro do tráfico de drogas no estado.

As imagens foram ao ar no programa “Cidade Alerta”, da Record nesta quinta-feira. Também são alvos da operação MC Brinquedo, MC Ryan e Salvador da Rima, que foi envolvido em uma polêmica com policiais no fim do mês passado.

VIU ISSO?

—> MC Brinquedo faz postagem no Instagram e deixa fãs preocupados

—>Cantor Belo é preso após realizar show no Complexo da Maré

—> Polícia pede a prisão de MC Poze, Markinho do Jaca e Negão da BL


No início do mês, a polícia do Rio de Janeiro também pediu a prisão de diversos MCs cariocas, como MC Poze e Negão da BL por fazerem shows durante a pandemia. Os Artistas foram acusados de infração de medida sanitária preventiva após realizar bailes funk durante a quarentena. Eles foram ouvidos e liberados.

A reportagem viralizou nas redes sociais pela forma como o MC Pedrinho chegou na delegacia. Ele estava pulando e os internuatas não perderam a chance de comentar o assunto. Rapidamente o vídeo já estava em várias páginas da internet.

Até o momento, nenhum dos MCs envolvidos na operação se pronunciou sobre o caso. O público ficou dividido, enquanto alguns só acharam engraçada a situação, outros comentaram o caso com seriedade. Entre eles, os que apoiaram a polícia, e os que ficaram do lado dos MCs, questionando a necessidade da operação.

“Artista não é bandido, artista não é criminoso, Brasil é um país tão cômico, presidente culpado por 300.000, mortes não acontece nada, a pessoa que está fazendo música acham que tem envolvimento com tráfico vai pra delegacia como um criminoso perigoso pra sociedade” escreveu um internauta.

“O mais engraçado que todo mundo chamam esses vagabundos de famosos sabe por que ao invés de fechar as portas fazem questão de levar para a televisão visando o melhor ponto de audiência já que gente boa inteligente nessa é minoria.”, escreveu outro.

“queria que eles fossem rígidos assim na hora de investigar a corrupção dos políticos do nosso país, pq tem gente passando fome e não é por causa de tráfico não”

Confira algumas publicações sobre o caso:

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários