Luto: Ator Roberto Guilherme morre no Rio aos 84 anos

Conhecido como Sargento Pincel,humorista estava internado na e tratava de um câncer há alguns anos.

Mias uma notícia triste para o mundo das artes e do entretenimento. Nesta quinta-feira, dia 10 de novembro, foi confirmada a morte do ator Roberto Guilherme, o Sargento Pincel. Ele tratava de um câncer, estava com 84 anos e faleceu no Rio de Janeiro.

Foto: Reprodução Internet.

O artista ficou conhecido principalmente através de seu papel em “Os Trapalhões”, da TV Globo. Ele que também era dublador, estava internado na Clínica São Vicente, na Gávea, Zona Sul.

De acordo com informações divulgadas pelo G1, a notícia foi confirmada pela família do artista e também por Lívia Aragão, mulher de Renato Aragão.

O Sargento Pincel contracenava com o Soldado 49, interpretado por Renato Aragão. A careca, que virou sua marca registrada, surgiu no programa, com o ator tendo os cabelos raspados em uma esquete humorística.

VEJA TAMBÉM

—> Imagine Dragons surpreende fãs ao anunciar adiamento da turnê

—> Gangrena Gasosa se apresenta no Circo Voador ao lado do Matanza Ritual

—> Lauana Prado grava DVD com Xand Avião, Sorriso Maroto e mais surpresas

Sobre o artista:

Edward Guilherme Nunes da Silva, nasceu em Ladário, Corumbá, Município no Mato Grosso do Sul, e assumiu o nome artístico Roberto como uma homenagem feita ao cantor Roberto Carlos.

Quando estava no Exército, ele escreveu uma peça de teatro amador encenada no Olaria Atlético Clube, na Zona Norte do Rio. Mas um dia um ator faltou, e Guilherme acabou o substituindo. Um produtor viu a peça, e convidou Roberto Guilherme para trabalhar na TV Rio.

Mais tarde, trabalhou na TV Excelsior, onde conheceu Renato Aragão, o Didi. Eles contracenaram pela primeira vez no humorístico “Um Dois, Feijão Com Arroz” (1965), que ainda tinha no elenco Dedé Santana, Dary Reis e Átila Iório. Depois, o ator passou a fazer parte do elenco fixo de “Adoráveis Trapalhões”, que tinha como astros principais Didi, Ted Boy Marino, Ivon Cury e Wanderley Cardoso.

Depois, ele participou de vários programas em muitas emissoras de TV, mas foi no retorno de “Os Trapalhões”, que ficou na memória do público. Entre 1982 a 2013, atuou em diversos projetos liderados por Renato Aragão, inclusive “Os Trapalhões em Portugal” (1995-1997).

Após a confirmação de sua morte, várias homenagens foram deixadas através das redes sociais. No Twitter, os nomes Sargente Pincel e Roberto Guilherme ficaram entre os assuntos mais comentados.

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários